Facebook
Instagram

Praça de São Pedro: uma obra-prima da arquitetura barroca no Vaticano.

A Praça de São Pedro, no Vaticano, é um dos maiores exemplos da arquitetura barroca na Itália. Projetada por Gian Lorenzo Bernini, um dos mais importantes arquitetos do século XVII, a praça é um notável exemplo de urbanismo e arquitetura. Sua construção foi encomendada pelo papa Alexandre VII em meados do século XVII, com a intenção de criar um espaço adequado para acolher grandes multidões para a bênção papal. A praça é composta por uma grande área central cercada por duas colunata semicircular formada por quatro fileiras de colunas dóricas, num total de 284 colunas e 88 pilares. A intenção dessas colunas era criar uma “espécie de abraço ao visitante” que entra na praça, dando uma impressão de grandeza e acolhimento.

Imagem noturna do Vaticano com vista da Basílica de São Pedro e da Praça de São Pedro.
Esta imagem foi originalmente carregada no Flickr por lafiguradelpadre em https://flickr.com/photos/94948344@N02/8659426485

Outra atração imperdível na Praça de São Pedro são as estátuas feitas pelos discípulos de Bernine e que encontram-se distribuídas acima das colunatas.

Detalhe de colunatas com estátuas na Praça de São Pedro.
Detalhe das colunatas com estátuas no alto. Foto: MMEB arquitetos

No meio da praça, há um obelisco egípcio antigo, trazido para Roma pelo imperador Calígula no século I d.C. O obelisco tem 25 metros de altura e pesa cerca de 330 toneladas. Ele foi movido para o centro da praça por ordem de Bernini em 1586, com a ajuda de 900 homens e 140 cavalos. Ao lado do obelisco, há duas fontes espetaculares, que criam um efeito visual impressionante.

Vista do obelisco da Praça de São Pedro com a cúpula da Basílica de São Pedro ao fundo.
Vista do obelisco da Praça de São Pedro com a cúpula da Basílica de São Pedro ao fundo. Foto: MMEB arquitetos

No lado norte temos a fonte construída por Bernini (1675), ao sul localiza-se a fonte construída por Carlo Maderno (1614), inspirada na fonte original de Bramante.Localizada em frente à praça, temos a atual Basílica de São Pedro, um dos maiores exemplares da arquitetura religiosa do Renascimento. O principal arquiteto da Basílica de São Pedro foi Michelangelo, que projetou a cúpula que domina a vista da praça.

Vista da fonte da Praça de São Pedro.
Vista da fonte da Praça de São Pedro. Foto: MMEB arquitetos

Vista de satélite da Praça de São Pedro e Basílica de São Pedro
Vista aérea da Praça de São Pedro e Basílica de São Pedro.


Ver todas as postagens
PUBLICIDADE

CERÂMICA ARTÍSTICA

"Adicione estilo e personalidade à sua decoração com nossa coleção exclusiva de cerâmica artística."

Explore

Localizada em frente à praça, temos a atual Basílica de São Pedro, um dos maiores exemplares da arquitetura religiosa do Renascimento. O principal arquiteto da Basílica de São Pedro foi Michelangelo, que projetou a cúpula que domina a vista da praça.


Vista da fachada da Basílica de São Pedro.
Vista da fachada da Basílica de São Pedro. Foto: MMEB arquitetos

O efeito global da praça é de uma grandeza estética que fascina o visitante e o convida a admirar a grandiosidade da obra. Maestria no uso das colunas, a simetria e centralidade do obelisco, a estátua de São Pedro e as fontes construídas por Carlo Maderno e por Bernini fazem da praça uma das mais famosas do mundo.

Vista da Praça de São Pedro a partir do alto da Basílica.
Vista da Praça de São Pedro a partir do alto da Basílica.

Além disso, a praça não é apenas um exemplo de arquitetura, mas também de planejamento urbano. Seu projeto foi concebido para ser um centro de recepção para as grandes massas que se dirigem à basílica e ao Vaticano, integrando-se harmoniosamente com o entorno histórico e cultural da cidade.

Sobre o projeto de Bernini

Em 17 de março de 1657, o escultor e arquiteto italiano Bernini apresentou ao Papa Alexandre VII um projeto de arranjo da praça em frente à Basílica de São Pedro. Bernini enfrentou vários desafios funcionais, como os rituais, bênçãos e procissões solenes, além de ter que criar uma praça com significado simbólico evidente. A solução de Bernini foi uma clara estrutura geométrica composta por um grande espaço elíptico (ou quadrado oblíquo) com o eixo maior paralelo à fachada da igreja, ligado a ela por um quadrado trapezoidal, menor, com os lados que convergem na fachada. A divisão em duas grandes áreas formalmente distintas foi necessária para resolver o problema de visibilidade da cúpula de Michelangelo e o rebaixamento do nível do solo à medida que se afastava da igreja. O conjunto apresenta uma espetacular visão dinâmica, repleta de efeitos de perspectiva, com uma fileira quádrupla de colunas e pilares que delimitam as duas praças.

A praça se tornou um lugar simbólico de encontro para a humanidade e para a difusão da mensagem cristã no mundo, com o obelisco central cumprindo a função de centro unificador de todas as direções. O efeito cenográfico e persuasivo da praça é impressionante!

Vista de satélite da Praça de São Pedro e Basílica de São Pedro
Vista aérea da Praça de São Pedro e Basílica de São Pedro.

PUBLICIDADE

LOJA ARQFACE


Descubra a loja virtual Arqface, onde a arte e design se unem em um só lugar. Com obras de arte e peças de design, a Arqface oferece conteúdo de qualidade para quem aprecia a cultura e a beleza em todas as suas formas.
CONHEÇA A LOJA

veja também!

CONTATO




+55 65 99219 4444
E-mail: arqface.contato@gmail.comarqface.contato@gmail.com



Brasil

Desenvolvido por MMEB arquitetos
Praça de São Pedro: uma obra-prima da arquitetura barroca no Vaticano.

Praça de São Pedro: uma obra-prima da arquitetura barroca no Vaticano.

A Praça de São Pedro, no Vaticano, é um dos maiores exemplos da arquitetura barroca na Itália. Projetada por Gian Lorenzo Bernini, um dos mais importantes arquitetos do século XVII, a praça é um notável exemplo de urbanismo e arquitetura. Sua construção foi encomendada pelo papa Alexandre VII em meados do século XVII, com a intenção de criar um espaço adequado para acolher grandes multidões para a bênção papal. A praça é composta por uma grande área central cercada por duas colunata semicircular formada por quatro fileiras de colunas dóricas, num total de 284 colunas e 88 pilares. A intenção dessas colunas era criar uma “espécie de abraço ao visitante” que entra na praça, dando uma impressão de grandeza e acolhimento.

Imagem noturna do Vaticano com vista da Basílica de São Pedro e da Praça de São Pedro.
Estaimagem foi originalmente carregada no Flickr porlafiguradelpadre em https://flickr.com/photos/94948344@N02/8659426485

Outra atração imperdível na Praça de São Pedro são as estátuas feitas pelos discípulos de Bernine e que encontram-se distribuídas acima das colunatas.

Detalhe de colunatas com estátuas na Praça de São Pedro.
Detalhe das colunatas com estátuas no alto. Foto: MMEB arquitetos

No meio da praça, há um obelisco egípcio antigo, trazido para Roma pelo imperador Calígula no século I d.C. O obelisco tem 25 metros de altura e pesa cerca de 330 toneladas. Ele foi movido para o centro da praça por ordem de Bernini em 1586, com a ajuda de 900 homens e 140 cavalos. Ao lado do obelisco, há duas fontes espetaculares, que criam um efeito visual impressionante.

Vista do obelisco da Praça de São Pedro com a cúpula da Basílica de São Pedro ao fundo.
Vista do obelisco da Praça de São Pedro com a cúpula da Basílica de São Pedro ao fundo. Foto MMEB arquitetos

No lado norte temos a fonte construída por Bernini (1675), ao sul localiza-se a fonte construída por Carlo Maderno (1614), inspirada na fonte original de Bramante.Localizada em frente à praça, temos a atual Basílica de São Pedro, um dos maiores exemplares da arquitetura religiosa do Renascimento. O principal arquiteto da Basílica de São Pedro foi Michelangelo, que projetou a cúpula que domina a vista da praça.

Vista da fonte da Praça de São Pedro.
Vista da fonte da Praça de São Pedro. Foto MMEB arquitetos

PUBLICIDADE

CERÂMICA ARTÍSTICA

"Adicione estilo e personalidade à sua decoração com nossa coleção exclusiva de cerâmica artística."

Explore

Localizada em frente à praça, temos a atual Basílica de São Pedro, um dos maiores exemplares da arquitetura religiosa do Renascimento. O principal arquiteto da Basílica de São Pedro foi Michelangelo, que projetou a cúpula que domina a vista da praça.

Vista da fachada da Basílica de São Pedro.
Vista da fachada da Basílica de São Pedro. Foto MMEB arquitetos

O efeito global da praça é de uma grandeza estética que fascina o visitante e o convida a admirar a grandiosidade da obra. Maestria no uso das colunas, a simetria e centralidade do obelisco, a estátua de São Pedro e as fontes construídas por Carlo Maderno e por Bernini fazem da praça uma das mais famosas do mundo.

Além disso, a praça não é apenas um exemplo de arquitetura, mas também de planejamento urbano. Seu projeto foi concebido para ser um centro de recepção para as grandes massas que se dirigem à basílica e ao Vaticano, integrando-se harmoniosamente com o entorno histórico e cultural da cidade.

Sobre o projeto de Bernini

Em 17 de março de 1657, o escultor e arquiteto italiano Bernini apresentou ao Papa Alexandre VII um projeto de arranjo da praça em frente à Basílica de São Pedro. Bernini enfrentou vários desafios funcionais, como os rituais, bênçãos e procissões solenes, além de ter que criar uma praça com significado simbólico evidente. A solução de Bernini foi uma clara estrutura geométrica composta por um grande espaço elíptico (ou quadrado oblíquo) com o eixo maior paralelo à fachada da igreja, ligado a ela por um quadrado trapezoidal, menor, com os lados que convergem na fachada. A divisão em duas grandes áreas formalmente distintas foi necessária para resolver o problema de visibilidade da cúpula de Michelangelo e o rebaixamento do nível do solo à medida que se afastava da igreja. O conjunto apresenta uma espetacular visão dinâmica, repleta de efeitos de perspectiva, com uma fileira quádrupla de colunas e pilares que delimitam as duas praças.

A praça se tornou um lugar simbólico de encontro para a humanidade e para a difusão da mensagem cristã no mundo, com o obelisco central cumprindo a função de centro unificador de todas as direções. O efeito cenográfico e persuasivo da praça é impressionante!

Vista de satélite da Praça de São Pedro e Basílica de São Pedro
Vista aérea da Praça de São Pedro e da Basílica de São Pedro.

PUBLICIDADE
Clique para ver todas as postagens
PUBLICIDADE

LOJA ARQFACE


Descubra a loja virtual Arqface, onde a arte e design se unem em um só lugar. Com obras de artee objetos de design, a Arqface oferece conteúdo de qualidade para quem aprecia a cultura e a beleza em todas as suas formas.
CONHEÇA A LOJA

veja também!

CONTATO


E-mail: arqface.contato@gmail.com

Brasil

Facebook
Instagram
MMEB arquitetos