Facebook
Instagram

Esculturas de Joan Miró

Uma boa opção em Barcelona é passar ao menos um período na Fundação Joan Miró, que possui uma das mais abrangentes seleções de pinturas, desenhos, esculturas e obras sobre papel do artista, oferecendo uma visão completa de todas as etapas de sua vida e carreira. São oito seções diferentes e interligadas, que permitem que os visitantes explorem todos os aspectos do trabalho e linguagem pessoal deste que é um dos artistas mais influentes do século XX.

Foto: Divulgação

Além da qualidade de todo o acervo que pode ser visto percorrendo o belíssimo edifício projetado pelo arquiteto Josep Lluís Sert, ao final do percurso somos presenteados com um terraço com diversas esculturas e onde podemos apreciar uma das melhores vistas panorâmicas da cidade.

Foto: Divulgação

O trabalho que Miró desenvolveu como escultor é diferente de seu trabalho como pintor, pois seu trabalho como pintor é mais intelectualizado e como escultor mais intuitivo, onde o “acaso”, princípio dadaísta, desempenhou papel importante. Nas realizações escultóricas ele nunca fez desenhos preliminares diferentemente do trabalho pictórico. Suas esculturas eram criadas a partir de uma realidade sugestionada por objetos coletados, que eram rearranjados de forma lírica e irônica, se transformando em outras figuras. Seu estúdio  muitas vezes se parecia mais com um armazém ou um depósito, pois nele se acumulavam vários objetos. O artista selecionava peça a peça para montar a futura escultura, que ele criava com liberdade e de forma lúdica.

Foto: MMEB arquitetos
Foto: MMEB arquitetos
Foto: MMEB arquitetos
Ver todas as postagens


Você poderá gostar

Booking.com

CONTATO




Telefone: +55 65 99219 4444
E-mail: arqface.contato@gmail.com



Brasil

MMEB arquitetos

Esculturas de Joan Miró

Uma boa opção em Barcelona é passar ao menos um período na Fundação Joan Miró, que possui uma das mais abrangentes seleções de pinturas, desenhos, esculturas e obras sobre papel do artista, oferecendo uma visão completa de todas as etapas de sua vida e carreira. São oito seções diferentes e interligadas, que permitem que os visitantes explorem todos os aspectos do trabalho e linguagem pessoal deste que é um dos artistas mais influentes do século XX.

Foto: Divulgação

Além da qualidade de todo o acervo que pode ser visto percorrendo o belíssimo edifício projetado pelo arquiteto Josep Lluís Sert, ao final do percurso somos presenteados com um terraço com diversas esculturas e onde podemos apreciar uma das melhores vistas panorâmicas da cidade.

Foto: Divulgação

O trabalho que Miró desenvolveu como escultor é diferente de seu trabalho como pintor, pois seu trabalho como pintor é mais intelectualizado e como escultor mais intuitivo, onde o “acaso”, princípio dadaísta, desempenhou papel importante. Nas realizações escultóricas ele nunca fez desenhos preliminares diferentemente do trabalho pictórico. Suas esculturas eram criadas a partir de uma realidade sugestionada por objetos coletados, que eram rearranjados de forma lírica e irônica, se transformando em outras figuras. Seu estúdio  muitas vezes se parecia mais com um armazém ou um depósito, pois nele se acumulavam vários objetos. O artista selecionava peça a peça para montar a futura escultura, que ele criava com liberdade e de forma lúdica.

Foto: MMEB arquitetos
Foto: MMEB arquitetos
Foto: MMEB arquitetos
Ver todas as postagens

CONTATO

Telefone: +55 65 99219 4444
E-mail: arqface.contato@gmail.com

Brasil

MMEB arquitetos
Facebook
Instagram
MMEB arquitetos